Crianças Que Brincam Se Desenvolvem Mais. Entenda Por Quê!

Sem sombra de dúvidas, brincar é algo extremamente benéfico para todos os pequenos. Além de proporcionar momentos de descontração e diversão, a atividade afeta diretamente o desenvolvimento da criança, estimula a criatividade e a formação da personalidade assim como auxilia o aprendizado. Assim, é possível afirmar que crianças que brincam se desenvolvem mais. Ficou curioso e quer entender exatamente como e por que isso acontece? Continue a leitura! Como a brincadeira auxilia no desenvolvimento da criança?

Ainda que nos dias de hoje os jogos eletrônicos e demais tecnologias façam cada vez mais parte do dia a dia de todos nós, é mais do que preciso reforçar e estimular a presença de brincadeiras no cotidiano dos pequenos. Mais do que um momento de diversão, brincar proporciona autoconhecimento, compreensão de valores culturais e desenvolvimento motor e intelectual. A seguir, listamos algumas das principais vantagens da atividade para a criança. Incentivo à socialização

Quando realizadas em grupo, as brincadeiras assumem um papel extremamente importante em relação à socialização. Além de estimularem os pequenos a criarem laços de amizade com os colegas, elas fazem com que eles aprendam a lidar com outras pessoas e, o mais importante de tudo, a respeitá-las. Brincando, a criança também aprende a partilhar, comunicar, cooperar e se relacionar. Esses fatores serão carregados por toda a vida, sobretudo no que diz respeito ao conhecimento dos limites dentro de regras e à inserção do cidadão na comunidade.

Estímulo à coordenação motora e sensorial

Cada brincadeira tem sua particularidade. Algumas delas são capazes de estimular diversas áreas sensoriais. Isso porque exigem equilíbrio, noções de espaço e o uso de vários dos 5 sentidos. Ao brincar de cabra-cega, por exemplo, a criança compensa a ausência da visão aguçando sentidos como a audição e a percepção. O mesmo acontece quando se brinca de pega-pega ou queimada: são exercitados o equilíbrio, a coordenação motora e as habilidades com as mãos e pés.

Por fim, o uso de brinquedos como a massa de modelar também são ótimos nesse quesito, fazendo com que a criança solte a criatividade e treine o tato, a visão, a expressão artística, a coordenação motora e até mesmo o olfato.

Formação da personalidade e desenvolvimento emocional

Além de todos os benefícios já mencionados, brincar é também um momento de autoconhecimento. Ao jogar com um amigo, por exemplo, o pequeno precisa aprender a escutar, ter paciência e a superar a frustração de perder, por exemplo. Tudo isso influencia diretamente no desenvolvimento emocional infantil e na formação dos traços que compõem a personalidade.

Como a família pode atuar ?

Despertando ideias e ajudando-as a buscarem, por conta própria, soluções para os eventuais problemas que possam surgir. Além disso, a brincadeira é também um reforço aos laços afetivos da família: brincar é uma bonita demonstração de carinho e amor!

Portanto, não se esqueça de incluir em sua rotina tempo de brincar com as crianças. E saiba que elas também precisam de tempo para brincarem sozinhas ou só entre elas também. Se você gostou do conteúdo de hoje e quer entender ainda mais sobre como auxiliar no aprendizado dos seus filhos, aproveite para ler nosso artigo sobre educação infantil.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo